15 julho 2014

Que qui é: Especial Tranças

Tem um evento e não sabe o que fazer no cabelo? O picumã está rebelde, sem graça? Trança nele!

O penteado que não sai da sua cabeça desde as festas juninas da pré-escola está bombando nos salões, ruas e páginas de revista.

Se, diante de tanta variedade, você não consegue mais ligar o nome ao tipo da trança, o MMcM vai ajudá-la a acabar com as dúvidas.

Embutida/ Francesa

Centralizada ou lateral, nela o cabelo é trançado desde a raiz. Você divide as madeixas em 3 mechas na altura desejada, como em uma trança simples e, ao cruzá-las, vai adicionando fios às mechas laterais.


Holandesa/Invertida

É embutida, quase igual à francesa. A diferença é que em vez de cruzar uma mecha por cima da outra, você as cruza por baixo, deixando a trança em relevo.

Dá para ver a diferença entre essa e a da Juliana Paes?!


Holandesa/ Tiara de Trança

Boa para prender todo o cabelo e sair na foto com cara de princesa.

O processo mais fácil é dividir o cabelo ao meio e fazer uma trança tradicional de cada lado. Depois, com a ajuda de grampos, prenda as tranças no topo da cabeça, levando a da direita para o lado esquerdo e vice-versa.


Espinha de Peixe

Conhecida como escama ou espinha de peixe, essa trança dá graça e um ar despretensioso instantaneamente.

Para conseguir esse efeito você precisa dividir o cabelo todo em duas partes e cruzar pequenas mechas das laterais para incorporá-las à outra divisão. Vá alternando as mechinhas até o fim do comprimento.


Cascata

Para quem quer deixar o cabelo meio solto, essa é a opção mais indicada.

Separe uma mecha mais ou menos acima da orelha e divida em três, como se fosse fazer uma trança normal. Comece o cruzado tradicional e largue a mecha que estiver embaixo, substituindo-a por uma nova. Repita o processo até chegar à outra orelha ou ao ponto desejado.


Corda/Unicórnio 

Na minha opinião, é a mais fácil de fazer.

Com o cabelo dividido em dois, torça as duas mechas para o mesmo lado (é bom passar uma pomadinha para domar os fios). Depois, vá cruzando as duas mechas na direção oposta ao torcido.


Se quiser o passo-a-passo mais detalhado de alguma das tranças é só pedir que a gente faz.

Beijo!

Fotos: Internet e Acervo Pessoal

Meu nome é Bruna Barbosa e tenho 27 anos. Sou radialista por formação, redatora por profissão e caçadora de descontos e liquidações por vocação. A convite da Carol, dividirei aqui as melhores dicas e opções para provar que é possível fazer a moda caber no bolso!

Nenhum comentário:

Postar um comentário