04 abril 2014

Missão Pobrinha de Casamento

Quando você está desempregada e é convidada a ser madrinha de casamento, duas sensações tomam conta do seu ser.

A primeira é um misto de lisonja, emoção e gratidão por ter sido escolhida para fazer parte de um momento tão importante na vida de um casal querido.

A segunda é desespero. Ele bate forte quando você começa a calcular os gastos com o grande dia. É cabelo, maquiagem, presente e, para avacalhar de vez com suas economias, ainda tem o vestido.


Não dá para pegar qualquer um. Geralmente há exigências relativas à cor (preto ou branco, por exemplo, nem pensar) e ao comprimento (longo quase sempre) do modelito de quem fica no altar.

Pesquisei na internet, shopping, loja de rua, aluguel de roupa e não encontrei nada capaz de me encher os olhos sem esvaziar completamente o bolso.

Já estava conformada em gastar boa parte do meu precioso seguro-desespero quando, em uma busca pelo Bom Retiro, achei o que tanto precisava.

O milagre em forma de vestido foi comprado na Padrina (Rua José Paulino, 635) por incríveis R$80,00. Para quem está procurando roupa de festa, lá tem bastante opção a preços realmente baixos.  Tudo bem que não pode experimentar, mas, nesse caso, achei que valia a pena arriscar e os anjos ouviram minhas preces, pois coube direitinho.

A cor real dele é bem pink (dá para ver melhor na última foto).

Para dar um brilho a mais, comprei uma aplicação para colocar na faixa abaixo do busto por R$10,00. Dá para encontrar em qualquer loja de aviamento, mas geralmente só vende por metro. Acabei me resolvendo na Colore Pedrarias, que também trabalha com peças avulsas e fica no nº 376 da Rua da Graça (há outros endereços).

A bolsa foi empréstimo da tia e a sandália (que nem aparece) eu havia comprado faz tempo naquela liquidação de tudo a R$25,00 da Shoes4you que a gente mostrou aqui. As bijuterias (brinco e colar com pingente nas costas) são fruto da Ladeira Porto Geral e não custaram mais de R$10,00 cada.




Vamos aos números finais? R$80 do vestido + R$20,00 da aplicação (peça + costureira) + R$25,00 sandália + R$20,00 bijuterias (chutando alto) = R$145,00

O resultado foi esse:

Muito Mais com Menos Só Para Baixinhos

A dona da bolsa 

Mongoloide que sou, esqueci de tirar foto sozinha com pose digna e carão, então vai a bagaceira mesmo, só para mostrar como, mesmo na pindaíba, deu para montar um look completo por menos de R$150,00 (valor que não paga nem a lingerie que as blogueiras finas usam em eventos).

Beijo!

Fotos: Divulgação, Elenir Menegazzo e Acervo Pessoal.

Meu nome é Bruna Barbosa e tenho 27 anos. Sou radialista por formação, redatora por profissão e caçadora de descontos e liquidações por vocação. A convite da Carol, dividirei aqui as melhores dicas e opções para provar que é possível fazer a moda caber no bolso!

8 comentários:

  1. Oi Burna,
    Sempre leio seu blog (e alguns outros) e raramente comento em posts, mas esse me fez ter vontade de comentar.
    É impressionante como conseguimos looks legais sem gastar muito,só com boa vontade.
    Eu adoro seu blog porque ele mostra a realidade! Estou cansada de entrar em blogs de moda e beleza para ver roupas lindas que eu jamais vou poder comprar porque custam metade do meu salário. No país em que vivemos essa não é a realidade e a maioria das blogueiras não se preocupam com isso, só mostram seu acervo pessoal de Zara e outras marcas superestimadas (e que na maio parte das vezes foram enviadas por uma assessoria). Isso incentiva as pessoas a quererem uma padrão de vida que só essas blogueiras podem ter (porque são blogueiras), enquanto seu blog incentiva as leitoras a buscarem looks legais dentro da realidade e sem gastar todo o dinheiro que tem (ou não tem).
    Eu, como leitora, espero que você continue assim, e se tiverem mais posts como esse vou gostar ainda mais.
    Ficou linda nesse vestido, adorei!
    beijos
    Thais

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Thais, muito obrigada pelo comentário!
      Para a maioria de nós, que não tem família rica nem salário/cachê milionário, o jeito é pesquisar muito e desapegar de marca antes de comprar.
      Garanto a você que se esse mesmo vestido tivesse uma etiqueta PatBo ou Martha Medeiros, por exemplo, custaria centenas de vezes mais.
      Pode deixar que continuaremos fiéis a essa realidade e espero que você continue nos acompanhando. E fique à vontade para comentar/sugerir/criticar sempre que quiser.
      Beijo!

      Excluir
  2. Tarra linda, tarra musa, tarra diva, tarra Patricia Poeta no Vem Aí! <3

    ResponderExcluir
  3. é isso aí Bruna, você estava linda e se não fala os valores, ninguém diz que gastou menos de 150 reais por essa produção, isso prova que basta ter bom gosto! beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Até eu fiquei passada com o resultado e o preço, Lila!

      Excluir
  4. Respostas
    1. Eike emoção! Muito obrigada, Danila!

      Excluir