15 fevereiro 2013

Guia para marinheiros de primeira viagem - Parte 3


É com essa belíssima referência que eu começo o terceiro post com dicas para quem quer fazer um cruzeiro marítimo!

No post de hoje vou falar sobre a vida dentro do navio e os procedimentos que devem ser cumpridos desde o momento do check in até o desembarque.

O porto
O porto é uma zona e se você for pela primeira vez e por conta própria, já se prepara para pedir informações a cada 10 metros! Achei mal sinalizado e muito desorganizado.
A região do porto não é das mais bonitas (tá pau a pau com a cracolândia!) então é bom não ficar dando mole por lá! Fique de olho nas suas coisas e se possível ande em bando. Um minuto que eu e meu namorado nos distraímos e roubaram a nossa água! Água, gente! Quem rouba água? Esse mundo tá perdido!

Assim que você chegar lá, vão te direcionar para a área onde você despacha as bagagens. É um lugar muito estranho (e confesso que fiquei com medo de entregar a minha mala no começo), aberto, como se fosse um pátio, onde alguns funcionários do porto te abordam, checam o seu nome, colocam aquelas etiquetas adesivas de identificação nas malas e daí levam para dentro de um galpão onde você não tem mais acesso. É tenso! É nesse momento que você avalia o prejuízo caso levassem a sua mala embora!
Os mocinhos também vão te dar um cartãozinho com um número e uma cor. Essa senha você vai usar para fazer o check in, a seguir.
Hummm... Dica importante aqui, já separa uma graninha para dar para o mocinho do porto. Como uma gorjeta por ele se matar para levar suas malas de 50k cada. Não precisa ser muito não, R$10,00 tá bom demais!

Logo depois você será direcionado para fazer o check in dentro de um saguão, que agora sim, lembra o saguão de um aeroporto. Você deve se nortear pelas informações que estão no cartão que você acabou de receber para identificar a área do saguão que deve ir.

Imagem do saguão do porto de Santos

Agora é uma palhaçada sem fim! Você tem que ficar aguardando anunciarem a cor e o número do seu cartão para pegar uma fila enorme para fazer check in. Para o check in já deixa a mão um documento oficial com foto, o voucher da viagem impresso e o cartão de crédito (se essa for a forma que você escolheu para pagar as despesas dentro do navio).
Você vai receber um cartão de identificação que vai ser o seu RG dentro do navio! A partir de agora é bom você andar sempre com ele!


Nele constam o seu nome, o número da sua cabine, o nome do navio e o período da viagem, o restaurante que você vai comer, a sua mesa e o turno, qual o seu ponto de encontro para o exercício de emergência (e caso o navio afunde também) e um código de barras.

Ok, cartãozinho na mão a saga de uma fila a outra continua! Agora você vai aguardar novamente chamarem a sua senha para ir para uma outra fila, dessa vez para embarcar no ônibus que vai te levar até o navio. Aqui você vai passar por um procedimento semelhante ao dos aeroportos. Vai passar por um detector de metais e sua bagagem de mão vai passar por uma esteira com raio-x. A grande dica aqui é para você se livrar do revolver, das bombas e facas antes de passar por essa etapa, porque ninguém quer pagar mico de ficar passando pela máquina e ela apitando!

Bom, passou por isso, agora você vai pegar um ônibus super luxuoso (NOT), que vai te levar até o navio, onde você vai ter que formar mais uma fila para entrar. Chega mostra o cartão do navio, mostra o documento e entra!



O embarque
Você acabou de entrar no navio e tá achando que já vai direto pra piscina com uma lagosta na boca e uma taça de champagne na mão? Pufff... Ledo engano!
Você pode até dar um rolê pelo navio, mas logo logo vão pedir a todos os passageiros que se encaminhem as suas cabines para pegar os coletes salva-vidas e depois ir até o ponto de encontro para receber as instruções em caso de emergência.
Isso é obrigatório e é bom já fazer agora, senão depois vão mandar um cara na sua cabine para passar com você os procedimentos individualmente. Vamos evitar a fadiga?
E outra, até isso acabar, todas as atividades do navio ficam suspensas, incluindo os restaurante e o acesso as piscinas então... É o que tem pro momento!

É isso aí... Se o navio afundasse eu deveria seguir para esse bar e aguardar as instruções para entrada nos botes. Notem como tá todo mundo felizão em fazer essa simulação!


A cabine
Desde as cabines mais luxuosas (I have a dream...) até as mais básicas, que foi a que eu peguei, todas contam com: Uma penteadeira com espelho, uma bandeja com copos, um balde de gelo, frigobar, banquinho annnnnnd (o mais importante) secador de cabelo! Um guarda-roupa com cabides, gavetas, divisórias para os sapatos e um cofre. No banheiro há um dispenser na pia com sabonete liquido e no box, há um com xampu e outro com sabonete.


As cabines também contam com tomadas 110V e 220V, um telefone e um monitor que transmite alguns canais, as câmeras do circuito interno do navio (quem ficar em cabine interna pode dar uma olhada no tempo lá fora através da tv!) e que dá outras informações a respeito do navio e dos seus gastos durante a viagem.

Essa foto é da Alinne do blog alinnerosa.com, que por coincidência também estava no mesmo cruzeiro que a gente e mais coincidência ainda, sentou na minha mesa no jantar!  =)


A programação
Todo dia você vai receber um informativo com a programação do dia. Onde o navio vai atracar, se vai ficar navegando, se tem alteração no fuso horário, a previsão do tempo, as atividades programadas, o horário dos restaurantes, qual deve ser o traje para o jantar, se há alguma festa programada e mais um monte de bla bla bla.



As atividades noturnas ficam sujeitas ao turno que você escolher para jantar. O primeiro turno janta as 20hrs (e tem que estar no restaurante até as 20:15, senão eles não deixam mais entrar) e assiste ao espetáculo em seguida, mais ou menos as 21:30. Já o pessoal do segundo turno, assiste ao espetáculo as 20hrs e janta às 22hrs. Depois disso cada um faz o que quiser!

Ahhhh, só para deixar claro, não é obrigatório assistir ao espetáculo e quem se atrasar ou não quiser ir jantar nos restaurantes chiques, pode comer no restaurante 24hrs ou nos restaurantes temáticos, que são pagos a parte.


As paradas
Geralmente o navio atraca nos destinos bem cedo, assim você pode passear bastante nos locais de parada.
Quando o navio não pára em algum porto para o desembarque, eles utilizam uns "barquinhos" para levar os passageiros até um píer. Para embarcar nesses barquinhos basta pegar uma senha numérica e aguardar a chamada.
Durante todo o tempo que o navio passar atracado você pode sair e voltar quando quiser para o barco.
Importante lembrar sempre de levar consigo o cartão do navio e não embarcar na volta com bebidas, comida, armas... Você vai passar por um detector de metais e um raio-x.

Putzzzzz... Isso foi fruto do meu namorado testando os efeitos da camera. Mas dá para ter uma idéia de como é o embarque nos barquinhos.
Muito melhor agora na foto da Alinne!


O jantar
Provavelmente você vai sentar numa mesa grande com outras pessoas, se fizer a viagem com um grupo de pessoas eles tentarão colocar todos sentados na mesma mesa.

O garçom que atender a sua mesa é fixo, por isso be nice, ok?


A mesa que nós ficamos! Esse dia teve até bolo para o Roberto, marido da Alinne!
O cardápio é variado e conta sempre com mais de uma opção para cada ítem: entrada, salada, sopa, massa, prato principal e sobremesa. Você pode pegar o que quiser! Sério! Se um dia estiver mais draga e quiser 2 provar as sobremesas, ok! Se o seu boy é bom de garfo e quiser pedir uma coisa de cada opção e ainda repetir o prato principal, ok também!

Tem ainda a opção dos pratos fixos (alguém aí falou em PF?), que são opções mais normais, caso você não queira comer as coisas refinadas do cardápio. São coisas como arroz, bife e batata frita (alguém aí falou em PF?), que você pode solicitar sempre que quiser, mesmo não estando no cardápio.
Mas, fia, vai por mim, a comida é boa (tem até lagosta) então sem pensamento de pobre! Se liberta das frescuras!

Sim, sou pobre! Sim, tiro foto do prato quando é lagosta! Não, não tenho vergonha das pessoas verem!
Como eu disse, além dos restaurantes chiques tem também o bandejão! É o maior restaurante do navio! Onde todo mundo toma o café da manhã e funciona no esquema de buffet, por isso o apelido carinhoso de bandejão.
De manhã eles servem o café da manhã (e que café da manhã! Se prepara para os ovos, bacon, waffle, calda de chocolate a chantilly!), na hora do almoço e no jantar eles servem comida de todos os tipos (everything you can imagine) e nas horas vagas sempre tem opções de fast food e doces.
Hummmm... Importante saber que todas as bebidas fornecidas pelas máquinas no bandejão como: água, suco e café, são cortesia. As demais são pagas!


Os rolês
Todas as noites tem um espetáculo diferente no teatro. Os espetáculos são uma mistura de teatro, musical, ballet e acrobacias!
Para quem for no MSC Fantasia, especificamente, eu indico assistir ao espetáculo em tributo ao Michael Jackson e ao Fantasia. São muuuuuuuito legais!


Existem vários bares, para todos os tipos. Com cara de balada, de voz e violão, para dançar, temáticos... Além disso, geralmente rola uma festinha na piscina, com um dj ou com alguma atividade da equipe de animação.
Nos dias em que o navio passar navegando ainda há a opção do cassino que é ten-ta-do-ra! Só para avisar, a brincadeira no cassino também é em dollar, viu!  ;)

Quase todos os bares tem música ao vivo!


O desembarque
Na noite anterior ao desembarque você vai receber na sua cabine um kit com um adesivo para colar na mala e um para colocar na parte de trás do cartão. Esse adesivo vai ter uma cor e um número.
 Cada cor e número vão identificar um grupo que vai ter um horário específico para sair. Por exemplo, o meu grupo era o marrom e o da Bru o rosa. Ela desembarcou as 8hrs e nós as 9:30. Não pode furar fila.  ;)


Ainda na noite anterior você deve se programar deixando de fora uma muda de roupa, escova de dentes e tal, pois as malas serão retiradas do lado de fora do quarto de madrugada! É, eu sei que é ruim, mas é assim mesmo, você tem que preparar tudo na noite anterior, pois na manhã seguinte vai acordar (cedo) e sair apenas com o que deixou separado.

Daí é o mesmo procedimento... Sai do navio, pega o busão, vai para o saguão de embarque e é aí que começa a palhaçada. Eles largam a sua mala no saguão! Não só a sua, mas a de todo mundo! Sim!!! Largam... Tem várias malas no chão e você tem que ir caçando a sua! rsrsrsrs... Juro, gente, eu fiquei tão desesperada com isso que nem consegui pensar em tirar foto para mostrar a situação. Só sei que quando eu e meu namorado ficamos sabendo disso, começou a gincana... Cada um foi pra um lado e quando um de nós achava uma das malas ficava com o braço levantado para o outro ver! rsrsrsrsr...
Pelo menos para sair do saguão você tem que mostrar o cartão e a etiqueta da mala para ver se conferem!

Caraca, ficou grande o post né?
Mas é que tinha muuuita coisa para falar a respeito da vida a bordo de um cruzeiro.
Espero ter ajudado os novos marinheiros de primeira viagem se saírem um pouco melhor do que eu e a Brú nos saímos!
Na quarta e última parte dessas dicas de viagem vou falar sobre a principal preocupação das mulheres: as roupas!!!! rsrsrsrs... Imperdível!

BjoOoOo



Fotos: Acervo pessoal, Alinne Rosa Labate (www.alinnerosa.com) e Roberto Labate, memegenerator.net

Meu nome é Carol Böck e tenho 25 anos! Trabalho como editora de fotografia e, como toda mulher, adoooooro uma liquidação, um descontinho, um precinho bacana e um babado! Por isso, resolvi criar esse blog, para dar algumas diquinhas mara dos baphos que eu vou encontrando por aí! =P

6 comentários:

  1. Ótimo post! A série cruzeiro está muito informativa, bem escrita, bem explicada e bem detalhada. Parabéns!

    Momento Nostradamus...

    Um dia, esse blog vai ser o ganha pão de vocês.

    ResponderExcluir
  2. Adoreiiiiiiii
    sophiejuliete.com.br/estilista/glauciacisotto

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom, "30 vezes mais".

      Volte sempre!

      BjoOoO

      Excluir
  3. Oi Carol! Ameeei suas dicas! Deixa eu só tirar uma dúvida: nas boates é possível pedir drinks e bebidas? Obrigadaaa!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa! É sim, Isadora! Na verdade, em todos os lugares, inclusive na piscina, mas lá eles servem em copos de plástico!

      BjoOoO e boa viagem! ;)

      Excluir